Rapid Application Group dobrou a produção com a Figure 4 Standalone

Ex-militar e empresário norte-americano aumenta o seu negócio e sua reputação com peças DLP de alta qualidade.

Terry Hill é um ex-militar norte-americano e empresário que estava tão convencido do valor da manufatura aditiva que, para provar seu potencial, renunciou seu cargo no exército para se dedicar ao seu sonho. Em 2017, ele fundou o Rapid Application Group, em sua própria casa. Desde que abriu suas portas, a empresa cresceu exponencialmente, obtendo um crescimento de 300% no segundo ano, se tornando uma das empresas de mais rápido crescimento em Oklahoma.

O Rapid Application Group é uma agência de serviços de manufatura aditiva de produção completa, que oferece suporte a aplicações críticas de curto prazo, para clientes nos setores de petróleo, gás, esportes automotivos, saúde e defesa aeroespacial. Com sede em Broken Arrow, Oklahoma, a Rapid Application Group dispõe de equipamentos próprios, mas conta também com ampla variedade de tecnologias de manufatura aditiva através da parceria com a divisão 3D Systems On Demand, cuja experiência é de mais de 25 anos no uso de tecnologias de manufatura aditiva como Sinterização Seletiva a Laser (SLS), Modelagem por Deposição Fundida (FDM), Processamento de Luz Digital (DLP), Impressão por Múltiplos Jatos (MJP) e Impressão Direta de Metal (DMP). Antes de fundar o Rapid Application Group, Hill passou 13 anos no exército dos EUA como engenheiro e aeronauta. A Rapid Application Group é uma empresa de pequeno porte certificada para oferecer serviços para veteranos com deficiência.

Dado o incrível crescimento dos negócios, Hill começou a procurar uma maneira econômica de aumentar sua capacidade de produção. Ele cita a compra da tecnologia Figure 4 ™ da 3D Systems como uma decisão que foi revolucionária para o sucesso de seus negócios. Além da facilidade de operação e da capacidade de produzir resultados rápidos, confiáveis e de baixo custo, a Figure 4 dobrou a capacidade de produção da Rapid Application Group para peças pequenas, de altíssima qualidade, em apenas alguns meses.

Figure 4 Standalone proporciona retorno de investimento dentro dos meses de instalação

rapid-application-group-3d-sprint-fileA motivação do Rapid Application Group por trás da compra da Figure 4 Standalone foi focada no desejo de aumentar a capacidade de forma econômica, mantendo a qualidade da peça. Ao escolher a máquina, Hill analisou a velocidade de produção, repetibilidade, acabamento da superfície dos modelos e o custo do sistema. Depois de ver a Figure 4 na feira “Rapid + TCT”, Hill disse que não havia mais dúvidas em relação a compra. De acordo com Hill, as coisas que primeiro o impressionaram sobre a máquina foram o quão compacta, poderosa e móvel ela era. “Eu queria algo que eu pudesse mover para qualquer lugar!”, diz ele. “Foi uma decisão de compra fácil.”

Poucas horas depois de desembalar, a Figure 4 já estava funcionando. A Figure 4 pode ser calibrada para atingir os requisitos de tolerância de repetibilidade Six Sigma. “A repetibilidade da Figure 4 é um prato cheio pra mim”, diz Hill. “Eu sei que posso carregar um arquivo e ir embora, e quando voltar as peças estarão exatamente como na impressão anterior, o que é fundamental para manter nossos padrões de qualidade e planejamento de produção. A Figure 4 Standalone dobrou nossa capacidade de produção de peças pequenas altamente detalhadas e recuperou o investimento em questão de meses ”.

Impressão rápida e fácil, peças de produção de alta qualidade

A capacidade de iniciar novas impressões com rapidez e facilidade é importante em todas as aplicações e setores, além de impactar diretamente na linha de produção. O tempo e a complexidade de cada estágio afetam a produtividade em geral, desde o recebimento e cotação de peças até a correção de arquivos, envio de peças para impressão e garantia de qualidade. “De todas as tecnologias que temos na empresa, a Figure 4 é de longe a mais fácil e rápida de usar”, diz Hill. “Em conjunto com o software 3D Sprint, oferece uma incrível repetibilidade e aumenta completamente a capacidade de produção da empresa.”

Com a Figure 4, o Rapid Application Group é capaz de produzir peças de alta qualidade em curtos prazos de entrega . Quando a impressão é concluída, a obtenção de uma peça final é um processo simples de remover suportes, enxaguar a peça e colocá-la na estação de cura UV. “Quando recebo um arquivo logo pela manhã, ele pode estar na minha mão dentro de 30 a 45 minutos”, diz Hill. Uma peça comparável levaria quase sete horas em outros sistemas.

O fluxo de trabalho do 3D Sprint mantém a produção em movimento entre os sistemas

rapid-application-group-figure-4-parts-on-platform-in-printerO 3D Sprint inclui uma ampla gama de ferramentas que facilitam o processo de impressão 3D do início ao fim. Da manipulação de arquivos, controle de qualidade e preparação de arquivos ao gerenciamento de impressão, Hill diz que a velocidade e a facilidade do 3D Sprint ajudaram o Rapid Application Group a diminuir o tempo necessário para fornecer cotações aos clientes e enviar trabalhos para a máquina. “Todas as diferentes funcionalidades do 3D Sprint, além da capacidade de enviar arquivos para a impressora sem precisar transferi-las fisicamente com um pen drive, realmente aceleraram nossa operação”, diz ele.

O software de manufatura aditiva também ajuda o Rapid Application Group a acelerar os reparos de arquivos necessários, identificando e oferecendo soluções para possíveis áreas com problemas em arquivos. “É uma ótima ferramenta para manter nosso fluxo de produção em movimento”, diz Hill.

O algoritmo de geração de ´suporte inteligente` oferece a opção de gerar estruturas de suporte que minimizam o uso de material e otimizam o posicionamento. Também é possível substituir o ‘suporte inteligente` e adicionar estruturas manualmente: “O 3D Sprint fornece essa liberdade. Eu posso fazer quase tudo que eu preciso no 3D Sprint ”, diz Hill.

Devido à facilidade e velocidade de uso 3D Sprint, o Rapid Application Group usa o software para preparar arquivos para todas as suas impressoras 3D, com o benefício adicional de permitir mudanças rápidas de uma impressora 3D Systems para outra. Ele também achou muito fácil ensinar outros operadores, o que facilitou o treinamento de novos usuários.

Qualidade de superfície ao nível de peça injetada com Material Figure 4 TOUGH-GRY 15

De acordo com Hill, a qualidade da superfície das peças da Figure 4 é tão comparável às peças moldadas por injeção que vários de seus clientes pediram que ele esclarecesse o processo de produção no momento da entrega. “Eu tive clientes que me disseram que as peças impressas pareciam peças moldadas por injeção”, diz Hill. “Na qualidade da superfície, características de resistência e velocidade de entrega de peças, a Figure 4 Standalone nos ajudou a sobressair. É como se a 3D Systems usasse uma máquina de moldagem por injeção e a colocasse em um espaço de três por três palmos. ”

Por exemplo, o Rapid Application Group trabalhou com uma empresa de dispositivos médicos para produzir uma nova versão de um componente que estava continuamente quebrando e causando problemas de manutenção devido ao uso rotineiro. O Rapid Application Group imprimiu em 3D novo componente usando a Figure 4 Standalone com o material Figure 4 TOUGH-GRY 15 e fez uma série de testes de qualificação. Embora as especificações exigissem que o componente fosse capaz de resistir a uma queda de dois metros, Hill levou as coisas um passo adiante e, em vez disso, lançou as peças na parede rígida de sua oficina: “As peças foram lançadas na parede e voltaram totalmente intactas” ele diz.

Usando a Figure 4, o Rapid Application Group conseguiu garantir um contrato de exclusividade com a empresa de dispositivos médicos para fornecer essas peças aprimoradas. Quanto à empresa de dispositivos, a manutenção na máquina que incorpora a peça impressa em 3D foi substancialmente reduzida, permitindo a extensão de sua garantia. “Tem sido um enorme sucesso para todos”, diz Hill.

Abrindo uma empresa de serviços de manufatura aditiva

rapid-application-group-figure-4-parts-on-platform (1)Hill foi apresentado pela primeira vez à manufatura aditiva em 2015, quando criou a Hill Helmet Mount, um laboratório que criava capacetes de voo para pilotos americanos. O laboratório foi equipado com uma pequena impressora 3D. “Desde a minha primeira interação com manufatura aditiva, eu sabia que era algo que eu precisava fazer parte”, diz ele.

Uma vez fora do Exército, Hill foi selecionado para atuar como diretor de desenvolvimento de negócios de uma empresa aeroespacial global, onde programou a implementação de manufatura aditiva, soldagem robótica e automação. Ele identificou a manufatura aditiva como a capacidade que a empresa precisava para sair de onde estava para onde queria chegar, mas devido ao tempo e às finanças, o programa não seguiu adiante. No entanto, a confiança de Hill na tecnologia não acabou. Ele pediu demissão da empresa para fundar o Rapid Application Group.

Atualmente, o Rapid Application Group suporta peças de produção de alto e baixo volume em uma gama completa de tecnologias aditivas. É certificada como Empresa de Pequeno Porte, com certificações adicionais HUBzone, ITAR e NaVOBA, e é compatível com AS9100D / ISO9001, com certificação antecipada no primeiro trimestre de 2019. Com sucesso rápido e contínuo, Hill diz que o Rapid Application Group não existe para competir com outras empresas de manufatura, mas é uma empresa de facilitadores. “Estamos aqui para fornecer capacidade imediatamente através da manufatura aditiva”, diz ele.

Transformando vidas para ex-militares com impressão 3D

rapid-application-group-figure-4-removing-partsAlém de responder as necessidades de seus clientes, Hill atende as necessidades de seus colegas ex-militares. Depois de deixar o Exército, Hill passou pelo desafio de voltar para a vida civil. Através de seus negócios, ele viu uma oportunidade de ajudar ex-militares a se reestabelecerem e iniciou um programa de certificação Veterans to Additive Manufaturing que proporciona o desenvolvimento de competências técnica e comercial na manufatura aditiva.

O programa Veterans to Additive Manufacturing é um curso estruturado oferecido a ex-militares que abrange tópicos conceituais e práticos em todo o fluxo de trabalho de produção de peças de manufatura aditiva, desde o carregamento de impressoras até o controle de qualidade. Hill diz que a motivação para ajudar os outros é uma parte dele a qual ele se sentia intrinsecamente ligado enquanto estava no Exército, e que ele procura manter ativo na vida civil. O programa de educação foi desenvolvido para ajudar os ex-militares a adquirir habilidades de trabalho comercializáveis que possam continuar usando no Rapid Application Group ou levar com eles para outros lugares com base em seus objetivos. Hill também estabeleceu um Certificado de Fundamentos de Manufatura Aditiva para estudantes do ensino médio. “Temos uma responsabilidade corporativa de cuidar da próxima geração e plantar as sementes para inovação por meio da manufatura aditiva”, diz Hill.

Hill até usou manufatura aditiva para ajudar os amigos de quatro patas. Usando a impressora 3D Figure 4 e o material da TOUGH-GRY 15, Hill coordenou um projeto de desenvolvimento de uma pata protética para um cão de serviço. O cão chamado Honor faz parte da Associação de ex-militares, e tinha dificuldade em se locomover devido a danos na pata esquerda. A resistência e o acabamento de superfície do material da Figure 4 fizeram com que fosse a combinação correta para a aplicação, e a velocidade do sistema da Figure 4 agilizou ainda mais o processo de retorno do Honor para casa.

“Acredito que nossa alegria em ajudar as pessoas é uma das razões pelas quais o Rapid Application Group está crescendo tão rapidamente. Eu nunca acreditei que as coisas possam mudar somente pelo desejo da mudança, mas sim trabalhando para que isso aconteça.”

Fonte original do release (em inglês):

https://br.3dsystems.com/customer-stories/rapid-application-group-doubles-capacity-figure-4-standalone

 

@3beRapid Application Group dobrou a produção com a Figure 4 Standalone

DEIXE SEU COMENTÁRIO